A cidade de Sèmè acelera a busca de parceiros de língua inglesa para desenvolver novos projetos de educação, pesquisa e empreendedorismo

Cidade de Seme

A Agência de Desenvolvimento da Cidade de Sèmè (Cidade de Sèmè) (https://www.SemeCity.bj/), projeto emblemático do plano de ação do Governo do Benim, anunciou hoje que está a intensificar os seus esforços estratégicos para melhorar a formação e integração profissional dos jovens com particular enfoque nos parceiros anglófonos. Os potenciais parceiros são convidados a apresentar propostas de parceria e cocriação de projetos nas áreas da formação, investigação e empreendedorismo até 31 de outubro de 2022. Esta convocatória de projetos insere-se no compromisso da cidade de Sèmè de promover a inovação feita em África para a criação de emprego. e riqueza na África Ocidental.

O foco em parcerias de língua inglesa segue o sucesso do lançamento inicial em junho de 2022 da chamada para projetos direcionados principalmente a parceiros de língua francesa. Nesta primeira fase, foram assinados 11 acordos de parceria com instituições acadêmicas e empresas francesas na presença do Presidente Macron na cidade de Sèmè. Estes acordos de parceria dizem respeito à implementação de vários programas de formação e integração profissional de qualidade que serão implementados a partir de 2022 para responder às necessidades de formação e recrutamento de setores em carência.

A cidade de Sèmè oferece um ambiente atrativo e dinâmico para os vários parceiros desenvolverem projetos de alto impacto. Os parceiros visados ​​são:

  • Operadores que oferecem programas de ensino superior e de formação técnica e profissional;
  • Incubadoras e aceleradoras de projetos empreendedores;
  • Laboratórios, centros de pesquisa e cátedras universitárias;
  • Empresas atuantes no ecossistema de educação e inovação;
  • Especialistas em engenharia pedagógica e na criação de programas de formação e empreendedorismo de alto nível.

A Diretora Geral da Cidade de Sèmè, Sra. Claude Borna comentando sobre o convite à apresentação de propostas, disse: “Ao criar a Cidade de Sèmè, o Benin está a desenvolver um mecanismo único para formar uma nova geração de talentos, prepará-los para o futuro e promover um modelo de crescimento baseado na inovação made in Africa. Desde o início de nossas operações em 2017, estabelecemos uma base sólida para tornar essa visão uma realidade. As novas parcerias que estamos estabelecendo no âmbito da chamada de projetos de 2022 representam um forte compromisso de co-construir hoje os sucessos africanos de amanhã. Esperamos impactos muito fortes em termos de empregos, produtos e serviços reconhecidos como inovadores e soluções que possam ser exportadas para muito além do continente.

Localizada no Benin, na costa oeste da África, a cidade de Sèmè é a porta de entrada para um próspero ecossistema sub-regional de formação profissional e empreendedorismo inovador. Desde o seu lançamento em 2017, a cidade de Sèmè experimentou um crescimento exponencial e oferece programas implantados em quatro localidades no Benin. Várias centenas de estudantes e pesquisadores estão matriculados nesses vários programas de graduação, pesquisa e educação continuada. Mais de 1.000 empreendedores também participaram de programas de capacitação e apoio.

A fase 1 do projeto já está operacional com um campus de 4.500 metros quadrados em Cotonou, que inclui salas de aula modulares e equipadas, um auditório, espaços de pesquisa e um data center. Adjacente ao campus, o Sèmè City Open Park, de 2.500 metros quadrados, oferece acesso a ferramentas de prototipagem e impressão 3D em edifícios construídos a partir de contêineres.

Entre as parcerias já lançadas na Fase 1 estão instituições acadêmicas como Epitech, a Nantes Atlantique School of Design, a Escola Politécnica Federal de Lausanne e a Sorbonne University, além de vários parceiros técnicos e financeiros, incluindo o Banco Mundial. , UNICEF, UNFPA, a Agência Federal de Desenvolvimento Belga (ENABEL) e a Secretaria de Estado da Suíça para Assuntos Econômicos (SECO)

Para sua segunda fase, a cidade de Sèmè poderá acomodar até 33.000 estudantes, empreendedores e inovadores de vários países africanos em seu novo eco-campus inteligente de 336 hectares em desenvolvimento em Ouidah, uma área periurbana que abriga vários grandes projetos de turismo. Organizado em torno de cinco centros de inovação, o campus de Ouidah estará operacional no início do ano letivo de 2025:

  • Cluster 1 Ciência, tecnologia, engenharia, matemática e cidades sustentáveis
  • Cluster 2 Arte, design e indústrias criativas
  • Pólo 3 Educação, Ciências Humanas e Sociais
  • Grupo 4 Esportes, Nutrição e Bem-Estar
  • Cluster 5 Turismo, Hotelaria e Restauração

Construída junto a uma floresta protegida, esta eco-cidade foi concebida para preservar um ambiente excecional. Integrará habitação, instalações desportivas e lojas. Os equipamentos serão disponibilizados aos parceiros que pretendam arrendar o espaço e os terrenos também serão disponibilizados para os que pretendam desenvolver os seus projetos.

A visão da fase 2 da Cidade de Sèmè materializa-se no desenvolvimento de um pólo regional de ensino superior e formação técnico-profissional com infraestruturas e plataformas técnicas que cumpram as normas exigidas para facilitar a aprendizagem e a integração profissional. Este centro regional de formação profissional e empreendedorismo oferecerá aos jovens condições de formação favoráveis ​​inspiradas em modelos de sucesso, bem como oportunidades de integração nos mercados africanos francófonos e anglófonos.

O convite à apresentação de propostas está aberto a organizações e instituições sediadas em África e fora da região. Para mais informações por favor visite https://bit.ly/3RWTAQG

Distribuído pelo Grupo APO em nome da cidade de Sèmè.

Contato de mídia:
Gilles Ametepe
Consultores Djembe
+233 24 86 066 52
[email protected]

Mídia social:
Twitter: @SemeCity
Facebook: https://bit.ly/3RLLhrd
LinkedIn: https://bit.ly/3qHrCN4
[email protected]

Sobre a Agência de Desenvolvimento da Cidade de Sèmè:
A Cidade de Sèmè, a Cidade Internacional da Inovação e do Conhecimento é um projeto emblemático do Governo do Benim gerido pela Agência de Desenvolvimento da Cidade de Sèmè (ADSC). Criada pelo Decreto nº 2017-440, de 31 de agosto de 2017, a ADSC é uma instituição pública com autonomia financeira. A missão da ADSC é conceber e implementar um enquadramento favorável e atrativo para os vários parceiros como estabelecimentos de formação, centros de investigação, incubadoras e empresas, de forma a construir um ecossistema de inovação, prosperidade criadora e emprego. O objetivo é equipar centenas de milhares de jovens africanos com as habilidades e competências de que precisam para ter sucesso em ambientes de trabalho dinâmicos e em rápida mudança. Esses ganhos em conhecimento e inovação resultarão na criação de mais de 100.000 empregos diretos e indiretos até 2030, dos quais um terço será autônomo e 40% será criado por mulheres.

Este comunicado de imprensa foi emitido pela APO. O conteúdo não é examinado pela equipe editorial da African Business e nenhum conteúdo foi verificado ou validado por nossas equipes editoriais, revisores ou verificadores de fatos. O emissor é o único responsável pelo conteúdo deste anúncio.

Leave a Reply

Your email address will not be published.